terça-feira, 24 de janeiro de 2017

PPS busca filiações de Robert Rios e João Vicente para oposição em 2018

Após o ex-governador Zé Filho deixar a presidência do PPS, líderes do partido buscam a filiação do deputado estadual Robert Rios (PDT) e do empresário João Vicente Claudino (Sem partido) à sigla. De acordo com Celso Henrique, da executiva estadual do partido, nos próximos dias o PPS buscará viabilizar um encontro com Robert Rios na tentativa de atrair o parlamentar oferecendo a estrutura partidária para ele traçar um perfil de oposição no cenário político de 2018. 

“O PPS tem uma ideologia política que naturalmente o tem colocado em oposição aos governos do Partido dos Trabalhadores. Além disso, o próprio Robert Rios já foi do PPS. Pela postura que ele vem tendo e pelo interesse que ele já divulgou, temos total interesse em chama-lo para o partido”, pontuou Celso Henrique. Robert Rios é líder da oposição ao governo Wellington Dias (PT) e já divulgou que seu plano para 2018 é sair candidato ao Senado Federal. 

Já em relação ao convite ao empresário e ex-senador João Vicente Claudino, hoje sem partido, Celso Henrique comentou que o empresário já colocou publicamente a ideia de se filiar a um partido de oposição ao governador Wellington Dias (PT). Além dos dois, o dirigente do PPS informou que o partido também vai buscar representação na Assembleia Legislativa do Piauí, através do deputado estadual Antônio Félix. 

O ex-governador Zé Filho (PPS) exercia a presidência do PPS, mas a comissão expirou dia 06 de dezembro. “Ele não se manifestou, o procuramos, mas o não encontramos. Então o partido precisa crescer e buscar alternativas”, disse Celso Henrique.

PORTAL O DIA

0 comentários:

Postar um comentário