quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Após ameaça de municipalização da Agespisa, Firmino decide esperar

O governador Wellington Dias (PT) e o Prefeito Firmino Filho (PSDB) estiveram reunidos nesta quinta-feira (23) para tratar, dentre outros assuntos, da subconcessão da Agespisa. Firmino afirmou que vai esperar a resolução do problema por parte do Governo junto ao TCE, descartando, assim, a ideia de municipalizar o órgão. 

O Prefeito havia declarado anteriormente que a cidade não poderia ficar refém dos problemas da Agespisa e ameaçou tomar uma decisão, seja com o rompimento do contrato ou com a municipalização dos serviços. “Queremos uma definição sobre o caso, o mais rápido possível”, resumiu Firmino após a reunião de hoje.

O processo ainda continua em tramitação no TCE. Só após a conclusão dos estudos da Diretoria de Fiscalização de Obras e Serviços de Engenharia (DFENG) é que o órgão irá se posicionar diante da denúncia de fraude no processo licitatório. Enquanto isso, o Governo, em hipótese alguma, poderá assinar o contrato com a empresa vencedora da licitação.

Sem querer detalhar o assunto da conversa com o Governador, o Prefeito disse que aproveitou a oportunidade para discutir outros problemas. “São vários problemas que temos em comum, como a própria questão da água e esgoto, como a assistência social, além das obras de mobilidade urbana que estão sendo feitas na cidade”, pontuou. 

O Governador Wellington Dias (PT) disse que o objetivo da reunião era de fechar um cronograma comum entre a prefeitura e o governo com relação aos assuntos de interesse dos dois órgãos. “A ideia é a gente trabalhar integrado para que não haja um descompasso”, afirmou Dias.  

PORTAL O DIA

0 comentários:

Postar um comentário