quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Nova fase da Lava Jato mira operadores financeiros do PMDB

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (23) a Operação Blackout - a 38ª fase da Operação Lava Jato. Foram cumpridos, no Rio de Janeiro, 15 mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão preventiva por crimes de corrupção, fraude em licitações, evasão de divisas e lavagem de dinheiro, entre outros.

Operadores financeiros do PMDB Jorge Luz e o filho dele Bruno Luz, identificados como facilitadores na movimentação de recursos indevidos pagos a integrantes de diretorias da Petrobras, são o alvo da ação. Eles ainda não foram localizados. Primeiras informações dão conta de que os dois estariam no exterior.

O nome da operação - Blackout -  é uma referência ao sobrenome de dois dos operadores financeiros. O objetivo é mostrar a interrupção da atuação dos investigados como representantes do esquema. Os presos serão levados para a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. 

JORNAL DO BRAIL

0 comentários:

Postar um comentário